segunda-feira, 13 de agosto de 2012

Bronquite Felina

O meu Banzé tem bronquite crônica. 

Desde sempre o peitinho dele faz barulho quando ele respira e ele tem crises de tosse com maior ou menor frequência. Depende mto do tempo, por exemplo. Quando não chove a coisa piora e por isso eu comprei um umidificador para ele. Ajuda bastante e imediatamente!

Em dias de faxina tb é comum ele tossir, já cortei diversos produtos de limpeza de casa. 

Se deixo o banheiro aberto por muito tempo tb, por conta da mesma obra que outro dia desabou, ele tb tosse bastante, pois acaba entrando muita poeira pela janela.

Por conta da bronquite ele está em processo de emagrecimento.

Por mais que eu ame um gatinho gordinho e pesadinho de agarrar, com o peso pressionando o corpinho, ele respira com ainda mais dificuldade.

Graças a Deus o caso do Banzé é leve, mas acho importante que todo mundo fique esperto, pois essas tosses, bronquites e asmas podem ser mais comuns do que imaginamos e podem levar o gatinho a morte.

Doutor, o que é Bronquite Felina.



O termo bronquite refere-se à inflamação de uma parte do trato respiratório ou vias aéreas menores, chamadas de brônquios. Esta “região” é uma ramificação da traqueia e está localizada na entrada dos pulmões e permite o transporte de ar para dentro e para fora dos pulmões.

A bronquite felina também é chamada de asma, porém este termo é um pouco enganoso/confuso, pois a asma em pessoas refere-se principalmente a constrição reversível dos músculos das paredes dos brônquios. Já a bronquite está associada ao inchaço das paredes do brônquio que causam passagem estreitada e obstrução das vias aéreas por tampões de muco ou outras secreções, que ajudam estreitar ainda mais esses tubos. Alguns gatos possuem asma verdadeira, enquanto outros tem bronquite. Clinicamente essa diferença é observada pela variação na gravidade dos sinais e na resposta a terapia.

Não se trata de uma doença específica, mas sim um diagnóstico descritivo. Em muitos gatos a bronquite é idiopática, ou seja, sem causa definida. Todavia, algumas doenças tratáveis que podem estar associadas à bronquite felina devem ser consideradas na avaliação diagnóstica, como bronquite alérgica, infecção bacteriana ou por micoplasma, parasitas pulmonares e dirofilariose.

Causas e Sinais Clínicos:

A bronquite pode ser aguda (de curta duração) e associada a lesões reversíveis na estrutura das vias aérea.

Pode também ser crônica (de longa duração geralmente 2-3 meses) e associada com mudanças permanentes e irreversíveis das vias aéreas.

A bronquite e a asma podem ocorrer ao mesmo tempo e podem ser causadas por infecções bacterianas, parasitas, alergias ou irritantes inalados, mas em muitos casos a causa básica não pode ser encontrada.

É sabido, no entanto, que fumaça, agentes poluentes e irritantes (incluindo granulado da caixa de areia dos gatos e produtos de limpeza domésticos), alergias, infecções e o convívio com fumantes favorecem o aparecimento dos sinais clínicos.

Os sinais clínicos mais comuns incluem tosse constante, cíclica ou sazonal, respiração difícil, sensibilidade em traqueia e sons pulmonares alterados á auscultação. - estes são todos os sintomas que o Banzé apresenta.

Episódios de tosse podem ser confundidos com vômitos, quando eles apresentam tosse intensa seguida por ânsia. A respiração pode ser rápida e exigir esforço, nos casos mais severos podem ser ouvido chiados e ruídos com movimentos expiratórios prolongados, além de angústia respiratória, cianose (mucosas arroxeadas causado pela má oxigenação) e respiração com a boca aberta (principalmente nos gatos gravemente acometidos).

Pacientes com bronquite crônica tem melhoras e pioras, mas nunca estão normais, períodos de normalidade entre as crises sugerem que o animal tenha asma.

Diagnóstico:

O diagnóstico da bronquite é feito baseado no histórico de tosse crônica com duração de dias ou meses na ausência de outra doença ativa, bem como na presença de alterações características nas radiografias torácicas. Porém nem todos pacientes com bronquite apresentarão alterações nas radiografias.

Em alguns casos mais severos ou quando há necessidade de descartar outras doenças concomitantes, exames mais invasivos podem ser importantes, entre eles citologia bronco pulmonar, cultura de lavado traqueobronquial (para detecção de infecção bacteriana), broncoscopia e biópsia com histopatológico.
A broncoscopia é importante nos casos onde há suspeita de bronquite crônica associada a colapso de traqueia.

Cada caso deve ser cuidadosamente investigado em relação a associação com exposição a alérgenos em potencial, como uma nova cama, fumaça de cigarro ou de lareiras, produtos de limpeza para carpetes ou produtos domésticos que contenham perfumes como desodorantes e spray. Reforma recente ou outra mudança no ambiente do animal também pode ser fonte de alérgenos (substâncias que causam alergias).

É importante descartar outras causas de tosse crônica, como insuficiência cardíaca congestiva, infestação por dirofilariose, pneumonia, tumor em pulmão, Infecção pulmonar (bacteriana, fúngica, parasitária, viral, protozoários), efusão pleural (principalmente nos gatos, tais como: quilotórax, piotórax), tromboembolismo pulmonar, pneumotórax entre outras causas.
E esta tarefa pode ser complicada, pois comumente a bronquite crônica é uma doença de gatos velhos, e estes animais também podem apresentar outras doenças concomitantes que também podem levar a tosse.

- no meu caso o diagnóstico foi feito através de Raio X. Quando chegou a hora de castrar o Banzé eu mencionei pra veterinária a questão da respiração e ela só castrou depois de ver que ele tinha um estreitamento da traquéia. É importante verificar isso antes de anestesiar pra qualquer procedimento que seja, pois no caso dele a anestesia comum poderia tê-lo matado. Se o seu gatinho apresenta algum destes sintomas, vá atrás do diagnóstico para poder cuidar dele sempre da maneira adequada.

Tratamento

O tratamento é basicamente sintomático, com tratamento específico possível apenas para doenças subjacentes ou complicantes que possam ser identificadas, cada caso deve ser tratado individualmente, já que os animais com bronquite podem apresentar diferentes estágios da doença bem como presença ou ausência de doença cardiopulmonar concomitante ou infecção secundária.

Os animais obesos devem passar por uma dieta para redução do peso para diminuir o trabalho associado a respiração.

É importante que o gato com bronquite tenha reavaliações periódicas com o veterinário, pois a dose das medicações poderão sofrer ajustes. O prognóstico da doença é variável, se a causa básica da doença puder ser identificada e eliminada o prognóstico é excelente, por outro lado se já ocorreu lesão permanente nas vias aéreas, a doença não pode ser curada. Mas com tratamento clínico adequado os sinais podem ser amenizados e as lesões brônquicas podem ser interrompidas ou reduzidas. Alguns animais que sofrem de crises graves podem morrer de insuficiência respiratória, apesar do tratamento.


Dr. Leandro Neves Camacho - Médico Veterinário (atende em domicílio e com maior facilidade ainda no ABC)
CRMV / SP 16.029
Tel: 11 7686-7337


- como eu não gosto de ficar medicando meus gatos, não utilizo nada além de umidificador e mudança de hábitos com o Banzé. 
Não se fuma mais na minha casa, por exemplo. Não compro mais produtos de limpeza com mto cheiro ou mto fortes e procuro tirar toda poeira do caminho dele.
De vez em quando ele tosse, vou tentar filmar uma crise para vcs verem, mas está mto bem. A respiração tem um barulho mesmo, inevitável, mas a vida do Banzé é normal (ou quase!).


30 comentários:

  1. Ola eu também tenho uma gatinha , e de ha uns dias que sinto que ela tem uma respiração como se tivesse o nariz entupido . o seu banzé tinha este sintoma ?
    Beijinhos e obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Beatriz, tudo bem?
      Sim, ele tem esse ruído na respiração, sim.
      Os outros dois tb ficam com estalinhos no nariz, como se estivesse entupido, em determinados dias, mas muitas vezes é por conta do ar seco também.
      Observe a sua gatinha, se ela come normal, faz tudo como deve. Se tem crises de tosse ou não.
      Se for só um barulhinho e nada mudou, só mencione isso na próxima vez que for ao veterinário! :)

      Excluir
  2. Estou com minha gatinha em tratamento justamente por esse problema. Dá uma " agonia " ver por vezes a respiração mais difícil e pesada. Sei que quem ama esses fofos fazem e farão tudo, como citado acima, para vê-los melhor, mesmo dentro do quadro não tão bom. Desejo ainda muitos momentos bons ,com seu Benzé ! Abraço !!

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pelo seu Banzé,sabe há alguns dias atrás encontramos um lindo gatinho abandonado,e trouxemos prá casa,mais desde o primeiro momento percebi que havia algo de errado com ele,pois a sua respiraçao era estranha e os batimentos cardíacos sao muito acelarados,quando acordei hoje de manha ele estava caído no chao e fazendo um barulho estranho e com muitas dificuldades prá respirar,como se ele estivesse em uma crise de bronquite,estou desesperada aos prantos pois nao sei como ajudada-lo,como é dificil a gente ver quem a gente ama sofrer...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ir ao veterinário seria algo mais simples a fazer, por mais que nao tenha condição. Mas seria nescessário para os remedios com as doses certas.

      Excluir
  4. Parabéns pelo seu Banzé,sabe há alguns dias atrás encontramos um lindo gatinho abandonado,e trouxemos prá casa,mais desde o primeiro momento percebi que havia algo de errado com ele,pois a sua respiraçao era estranha e os batimentos cardíacos sao muito acelarados,quando acordei hoje de manha ele estava caído no chao e fazendo um barulho estranho e com muitas dificuldades prá respirar,como se ele estivesse em uma crise de bronquite,estou desesperada aos prantos pois nao sei como ajudada-lo,como é dificil a gente ver quem a gente ama sofrer...

    ResponderExcluir
  5. Tenho uma fofa com rino crônica, agora esta chegando a época do desespero, pois com frio ela esta sempre doentinha. Começei vacinando para amenizar os sintomas, e quando a coisa ataca já tenho os medicamentos à mão (receitados pelo meu vet....claro), inalador pronto pra funcionar , roupinhas quentes, alimentação diferenciada, porque ela não consegue comer direito com o nariz tampado tadinha... E o inverno ainda nem chegou... Ah! substitui muitos produtos de limpeza por vinagre, detergente e bicarbonato, tá funcionando que é uma beleza!

    ResponderExcluir
  6. O meu Pity tosse sempre não imaginei que ele pode ser bronquite, vou levar ele no veterinário pra ter certeza, mas pelos sintomas e tudo muito parecido, já vou por em pratica dieta pra ele, umidificar o ambiente e limpar mais ainda o ambiente. Eu ja tinha percebido que a tosse aumentava por causa da areia que usava na caixa de areia dele, ai troquei pela de sílica, mas ainda vem um pó eu procuro tirar um pouco antes de por pra ele usar, mas a gente nunca consegue tirar tudo né, ele sempre tosse nas primeiras vezes que usa, mas depois não. Realmente agora com o tempo mais seco as tosses são mais constantes qdo chove ele quase não tosse. Vou cuidar melhor dele agora que sei o que é. Melhoras pro Banzé. Bju.

    ResponderExcluir
  7. Obrigada por compartilhar a história do Banzé. O meu Prince tosse de vez em quando e logo fatemos raio X. Estamos cuidando de uma sensibilidade intestinal que surgiu a pouco tempo e é complicado fazer tantos exames ao mesmo tempo. ...muito estresse. ..
    beijos para o Banzé. Espero que esteja tudo bem com ele.

    ResponderExcluir
  8. Nossa essa dica do umidificador me ajudou muito, meu gato também tem bronquite, mas no caso do meu vive espirrando e com catarro no nariz. Ainda sim vejo que não estou sozinha nessa batalha, e desejo melhoras pro banzo, assim como desejo que meu (caniço) melhore. Abraços

    ResponderExcluir
  9. Nossa essa dica do umidificador me ajudou muito, meu gato também tem bronquite, mas no caso do meu vive espirrando e com catarro no nariz. Ainda sim vejo que não estou sozinha nessa batalha, e desejo melhoras pro banzo, assim como desejo que meu (caniço) melhore. Abraços

    ResponderExcluir
  10. Boa Noite! Estou com um problema serio com a minha gatinha Nina, ela tem mais ou menos 5 a 6 meses, eu a peguei da rua, ela nasceu sem as patinhas traseiras, só com o cotó da perninha, só que de uns dias pra cá ela morde muito essas patinhas, é como se doesse ou coçasse, e tem dias que inflama, pois ela é bem esperta e anda bastante mesmo não tendo as perninhas. Qual seria o remédio ideal para esse tipo de caso, ou tem alguma coisa que posso fazer, pq me dói muito ver ela assim, não tenho condições de pagar uma prótese para ela, mas quero fazer algo para ela não sentir mais dores.ME AJUDA POR FAVOR. ahh manda a resposta para mim pelo email por favor. marinastivanin@hotmail.com Obrigada Marina.

    ResponderExcluir
  11. Dr. Minha gata está com respiração ofegante desde janeiro. Tenho levado constantemente no veterinário. Já fiz diversos exames e nada consta. Mas ela tem piorado a cada dia, não sei mais oque fazer.
    Já fiz raio x do torax, pulmão, face, exame de sangue, ultrassom, ecocardiograma.
    Ela já tomou antialergico injetavel, antinflamatório, antibiotico e nada! Agora a gata não come e não faz mas coco.
    Estou em desespero. Me ajude, ela tá sofrendo.

    ResponderExcluir
  12. Dr. Minha gata está com respiração ofegante desde janeiro. Tenho levado constantemente no veterinário. Já fiz diversos exames e nada consta. Mas ela tem piorado a cada dia, não sei mais oque fazer.
    Já fiz raio x do torax, pulmão, face, exame de sangue, ultrassom, ecocardiograma.
    Ela já tomou antialergico injetavel, antinflamatório, antibiotico e nada! Agora a gata não come e não faz mas coco.
    Estou em desespero. Me ajude, ela tá sofrendo.

    ResponderExcluir
  13. Minha gata começou com uma tosse q parecia q ela estava tentando colocar bola de pelo p fora so q n conseguia ,fiquei desconfiada pois ela começou a fzer isso mtas vszs e a espirrar mt então pensei bolas de pelo n tem esses sintomas e a levei no vet ,ela examinou e ouviu um xiado no pulmão dela e pediu raio x e exame de sangue.resultado do exame uma bronquite leve ou asma .ela esta comendo ,bebendo fazendo coco e xixi normal mas acabei de escutar a respiracao dela um ruído enfim ela esta medicada e amanha a levarei p a revisão clínica.bjos p tds e melhoras p nossos babys

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu gato tb tosse tipo engasgo e espirro, fez raio x e deu possível bronquite, o vet meio perdido, qual tratamento vc fez? Obrigada

      Excluir
    2. Thamiris meu gato tb tem essa tosse seca.. a vet deu muitos dias de corticóid e estou preocupada se sigo a orientação.. o seu está melhor? Qual tratamento vc fez? Obrigada

      Excluir
  14. Olá. Minha gata não aparenta ter crises de falta de ar. Mas ela cada vez mais produz um som ao dormir (parece um ronco) e quando pego ela no colo ela faz um barulhinho de respiração. Percebi também que as vezes quando ela se acomoda para deitar ela produz barulho semelhante, como se fosse um expiração de cansaço (mesmo não sendo depois de exercício). Será que é alérgico?

    ResponderExcluir
  15. Olá...meu gato tem bronquite asmática e faço tratamento com o vet e tb inalações. So tenho uma dúvida...roncar, não ronronar... é normal? Ele não está espirrando, vomitando, só q percebo q ele ronca para dormir e as vezes acordado tb...em posição normal..so q ronca muito kkk. Tenho medo q esteja com dificuldades pra respirar.
    Obrigado

    ResponderExcluir
  16. Olá...meu gato tem bronquite asmática e faço tratamento com o vet e tb inalações. So tenho uma dúvida...roncar, não ronronar... é normal? Ele não está espirrando, vomitando, só q percebo q ele ronca para dormir e as vezes acordado tb...em posição normal..so q ronca muito kkk. Tenho medo q esteja com dificuldades pra respirar.
    Obrigado

    ResponderExcluir
  17. Amei as dicas , minha gatinha Mimi tb tosse, agora sei como posso melhorar a vida dela, muita saúde para Banzé e todos os gatinhos!!!

    ResponderExcluir
  18. Olá! meu gatinho apresentou uma tosse mt esquisita logo após um período de chuva.Depois começou a espirrar com um sangue, tbém apresenta lágrima no olho direito. Apesar desses sintomas ele continua alimentando e tomando água. Gostaria de saber se ele pode curar naturalmente. Estou ministrando um vermifugo, mas ainda não iniciei o ciclo de vacinação por falta de informação. Se possível oriente-me quanto ao sintoma apresentado. Parabéns pelo artigo esclarecedor e gratidão pelas informações. Alda Martins

    ResponderExcluir
  19. posso dar aes para meu gato ele esta com dificuldade para respirar fis inalacaocom 2 gota e atrovente e soro mas ele nao se alimenta mais o ke faço so tem um veterinario e esta viajando

    ResponderExcluir
  20. Olá, encontrei seu site e estou feliz com o relato. Meu gato está com broncopneumonia. Fez radiografia e detectou esse problema. Estava com tosse seca e respiração ofegante. Mas já está no 15 dia dia de antibiótico e tomou 7 dias corticóide e a respiração não melhora. No primeiros dias melhorou, mas depois voltou o cansaço. Já fez nova radiografia com outro médico, mudou medicação (está no doxifin) e não melhora. Usa uma pasta broncodilatadora, faz nebulização e NADA melhora. Estou desesperada. O que fazer? O diagnóstico pode estar errado? Hemograma não deu nada. Fiv e felv deu negativo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu fiz exatamente as mesmas coisas que você relatou com meu gato. Só que fui em 3 veterinários. O que resolve e melhora a respiração é o corticoide (ex: alcort) e o bronquiodilatador. O antibiotico é útil quando há infecção e secreção. Você tem que descobrir a causa da broncopneumonia. Produtos de limpeza geralmente são os causadores. Veja e outros desengordurantes são os piores. O que é liberado (em pouca quantidade) é água sanitária e pinho sol. Vc deve diminuir esses produtos e também verificar se há fumance (de cigarro, por exemplo). Tudo isso piora. Meu gato já está na sgeunda crise e estamos fazendo uma análise ambiental para melhorar a situação dele. Além disso, se ele adoecer sempre, use algum remédio pra imunidade, pois o fato da imunidade estar baixa também propicia essas crises. O frio, umidade tb pioram. Ele precisa de local aquecido pra dormir, por exemplo! Fiz as MESMAS coisas que você. Já vou no 4 veterinário e só esse último alertou para as condições ambientais. Boa sorte!

      Excluir
  21. Meus seis gatos estão espirrando muito e dois deles estão tossindo como se estivessem engasgado. Estou achando que é viral, pois aconteceu tudo ao mesmo tempo, tosse, espirro. Dei amoxicilina com clavulanato de potássio para uma das gatas por 5 dias. Dei spirulina suplemento para melhorar o sistema imunológico, mas penso em suspender porque uma gata apresentou tosse seca depois que eu dei o suplemento em pó dissolvido na água. Estou desesperado. Não tenho condições de levar todos ao veterinário, mas vou levar a que está tossindo mais. Queria muito saber se eles ficarão sanados quando eu fizer tratamento.

    ResponderExcluir